segunda-feira, janeiro 31, 2005

A frase da semana

Todas as segundas-feiras fico com a responsabilidade de escrever neste espaço a frase que melhor retrata o estado de espírito no Glorioso.

Esta semana o prémio vai para o «orelhas»

O presidente dos benfiquistas que votaram neste energúmeno (grupo no qual eu não estou incluído) disse que «iríamos ser campeões no Porto e na última jornada». A estupidez atingiu o climax, quando o homem referiu que o regresso a Lisboa demorará dias, devido ao trânsito na auto-estrada.

É difícil comentar tal barbaridade. Está ao nível da «vamos ser o melhor clube do mundo dentro de 5 anos» ou «o Mantorras vale oito milhões de contos».

Já diz o povo que «Se Deus nos deu duas orelhas e uma boca, por alguma razão foi». Ora eu sublinho este provérbio e digo: «Se Deus lhe deu duas orelhas grandes e se a educação primária não lhe permite articular correctamente o sujeito com o perdicado e conjugar verbos, então o melhor é estar calado». Ou isso ou contratar uma agência de comunicação para o «brifar». Coisa que o orelhas já fez, mas que ainda não está a dar frutos. Quer dizer, já deu, mas para o lado da dita agência de comunicação que já anda a explorar os direitos do Jornal do Benfica. Mas aquilo anda tão mal de publicidade. Ehehehehe.