quarta-feira, agosto 02, 2006

RIP LOSANGO

Quando o Manú é de longe o melhor em campo não há nada a dizer. Esta táctica não funciona por vários motivos. O que impediu um pior resultado foram as substituições do AEK e o voltar a um 4-4-2 clássico.

Deste jogo retiro as seguintes conclusões:

1 - O RCosta não está a jogar nada. Não me admira que qualquer dia tenha uma recaida da lesão no tornozelo ou lá onde foi. Se a disponibilidade fisica for esta então tem de sair um dos avançados para jogar o RCosta. Eu prefiro acreditar que é uma lesão a exibição de hoje foi confragedora. Não percebo porque é que não foi substituido. No primeiro jogo parecia um foguete, hoje foi dos primeiros a desistir.

2 - Não há um fio de jogo, não há uma rotina (defensiva, atacante, transição). Contrate-se um dos adjuntos do Mourinho para vir cá dar uma ajuda durante uma semana ou duas.

3 - O Petit e o Katsouranis só rendem lado a lado.

4 - Se a equipa já anda a fazer de propósito então castigue-se quem manda naquela merda.

5 - A preparação fisico-mental da maioria dos elementos está muito por baixo.

6 - Deixar o N. Gomes sem dar uma para a caixa foi um pouco demais. O FSantos começou por dizer que não ia olhar a nomes mas não é o que parece. A substituição poderia ter acontecido mais cedo. E quando não dá mais nada coloca-se o Mantorras. Pareceu-me ver o Fsantos feliz por não ter acontecido uma goleada.

7 - Como a equipa está a defender mais vale poupar dinheiro nos guarda-redes e colocar lá um jogador de campo.

Isto agora só vai como sempre foi no passado recente, isto é, partir do principio que não dá ter uma táctica atacante e jogar de forma humilde com mais jogadores no meio campo.

Espero que se faça alguma coisa bem rápido, mas temo que no primeiro jogo a doer a equipa entre toda borrada.

1 Comments:

Blogger Pedro Soares Lourenço said...

Basta! Assim não!
Santos tem de sair e os blogues benfiquistas deveriam fazer pressão nesse sentido.

11:28 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home