sexta-feira, setembro 14, 2007

Manual de instruções

A partir de hoje, inaugura-se uma nova rubrica no nosso blog. Passarão a ser feitas as crónicas dos jogos de futebol do Sport Lisboa e Benfica, acompanhadas de uma quantificação das exibições da nossa equipa. Para tal, será usada a seguinte grelha:

- Eusébio: uma exibição cheia de talento, raça, força e querer. Um verdadeiro Benfica à Benfica. Arrasámos o adversário e conseguimos pôr em campo a nossa divisa – e pluribus unum – ao mesmo tempo que dignificámos os ideiais altaneiros que a nossa águia emblemática simboliza.
- Paneira: uma exibição de qualidade. Cheia de arrancadas em força, feita de energias inesgotáveis e de decisões certeiras. Estamos no bom caminho.
- Nuno Assis: sem fazer uma exibição de arregalar o olho, conseguimos cumprir os serviços mínimos. Mas a continuar assim, é difícil ir a correr para o Marquês no final da época.
- Fernando Aguiar: uma exibição fraquinha. Está visto que não há qualidade, não há decisão e não há liderança. Não basta correr e querer. É preciso saber.
- Paulo Madeira: mau demais para ser verdade. Não percebo como conseguimos estar na primeira divisão, patenteando este nível de jogo.