domingo, outubro 16, 2005

15 Explicações para vitória no Dragão

Quim - É bom voltar a ver o nosso melhor keeper na baliza.

Nélson - Com Miguel tínhamos um extremo que não sabia defender. Com Nélson temos um defesa que sabe atacar e...assistir nos golos.

Luisão - É o patrão.

Anderson - Impenetrável. O nosso melhor central

Leo - Manda umas sarradas valentes, defende bem e vai subindo de vez em quando. Tem é de aprender que isto não é o Brasil.

Karagounis - Só precisou de 23 minutos para baralhar as contas do Adriaanse com a lesão do Lisandro. Até a mim me doeu!! O gajo devia ter pensado: «Ficámos sem o Miccoli, deixa-me cá aplicar a lei da compensação».

Armando Teixiera (Petit) - O Maior!

Manuel Fernandes - Distribuiu fruta que não foi brincadeira. Diegos, Jorginhos e Luchos já se encolhiam.

Nuno Gomes - 2 Golos e uma expulsão provocada é mais que suficiente para fazer dele o homem do jogo para os jornais (para mim foram Luisão e Anderson). Gostei quando ele disse na conferência de imprensa que tinha estado nas Antas quando o Cesar Brito marcou os dois golos. Só não explicou foi que cachecol trazia ao pescoço. É que o «Gomes» ainda me está atravessado. Se ele for do Benfica desde pequenino vou começar a chamá-lo Nuno Miranda (de Diamantino Miranda).

Simão - Apesar de não ter estado nos melhores dias (note-se que não está em nenhum dos golos) esteve bem no apoio à defesa.

Geovanni - Este é homem de jogo grande e voltou a prová-lo

Karyaka - Assim do nada ganhámos um jogador. Titularidade em Villareal já!

Ricardo Rocha - Quando entrou ainda pensei que ia ter tempo de distribuir fruta no Quaresma, mas não teve oportunidade.

Koeman - Uma palavra para o homem que criteiquei tanto no início da época. Ele continua o principal responsável por termos perdido 8 pontos em 3 jornadas, mas ultimamente tem estado muito bem. No Dragão venceu antes, durante e depois do jogo. Antes porque veio com aquela história de não convidar o outro para o aniversário e já no Verão tinha dito que a grande diferença entre ele e Adriaanse eram os títulos. Durante porque esteve muito bem a montar a equipa: Anderson em vez de Rocha, Kara em vez de Geo e quando Miccoli saiu por lesão não caiu na tentação de lançar Mantorras. A entrada de Karyaka também foi bem metida. Venceu ainda depois do jogo, porque quando leh perguntaram se o Adriaanse o tinha cumprimentado, ele disse: «Cumprimentou mas não disse nada. Antes do jogo ainda falámos, porque ele veio receber-me à entrada do túnel. Agora depois do jogo não me disse nada só me paertou a mão. Não percebi!»

Começo a gostar dos mind games do Koeman.

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

I just wanna honestly say that mostly pages here are crap but you have something i like Good content I have a site to Pretty cool have a look if you got some time Work at home mother

11:48 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Ou q tal Nuno Néné.
ou Nuno Chalana
tb n ficava mal.
Mas gostei dele a mostrar as quinas de campeao as andrades.
Devo confessar no entanto q tinha me dado mais gozo se ele percorre-se o estadio a mandar calar o estadio, ou a mandar beijinhos po publico, ou ate quem sabe com uma camisola por baixo com a foto da carolina a dedicar-lhe as 2 enrabadelas em seco.

4:53 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home