segunda-feira, janeiro 16, 2006

18 em 18

Andamos todos contentes com as seis vitórias consecutivas no campeonato. Um bom desempenho, sem dúvida. Mas nada de especial para um Benfica normal. Há uns anos, não se perguntava se ganhávamos, perguntava-se por quanto ganhámos. Por isso, nada disto é um feito.

Feito é se ganharmos os próximos seis jogos para o campeonato. É que dos últimos seis, 4 foram em casa, por isso os motivos para sorrir devem ser ponderados. Nas próximos seis jornadas discutimos 18 pontos com Gil Vicente (fora), Sporting (casa), Leiria (fora), Penafiel (casa), Guimarães (fora) e Porto (casa). Série tramada, hein?! Pricipalmente quando jogamos com Liverpool e Taça de Portugal pelo meio.

A três pontos da liderança e a depender só de nós, as próximas seis jornadas serão decisivas. 18 pontos em 18 possíveis será uma tarefa hercúlea. Implicaria ter 12 vitórias consecutivas no campeonato, um feito conseguido por Mourinho no Porto da Taça UEFA e pelo Barcelona que a esta altura leva precisamente 12 vitórias seguidas na Liga Espanhola. Mas se estes dois clubes regionais conseguem, por que raio não havemos nós de conseguir também?

1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Se o Benfica não ganha, é porque não ganha. Se o Benfica ganha é porque ganha. Vocês são mesmo tristes...

Lembram-se disto?

"Para quem não percebeu, eu explico. Ontem (Benfica - Paços de Ferreira), o Simão e o Ricardo Rocha queriam despedir-se do público da catedral com um golo. Num caso, mais um. Noutro caso, o primeiro e último.
PS: Porque é que o relvado da Luz está ridículo?
posted by terceiro anel at 8:56 AM"

Tristes...
Devem ser as vossas fontes seguras que vos tapa os olhinhos e vos faz preferir nomes ou pessoas em vez do clube...

8:14 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home